terça-feira, setembro 25, 2012

Pesos e medidas...


Quem cala.
concorda
consente
sem coragem
de dizer
o que sente.
Silêncio
suficiente
mediocridade
mente.

 

8 comentários:

Li Ferreira Nhan disse...

visual novo!!!! Gostei! Abre mais rápido, cor deu contraste legal!

Quem cala consente...
Sempre ouvi isso. Mas será sempre assim?
beijos

Selena Sartorelo disse...

Obrigada Li...nãp consigo ficar muito tempo com os mesmo visual rsrs..é bom mudar..pena que sei mexer pouco nisso aqui...

Espero que não...mas tenho uma opinião bem ampla sobre o assunto..enfim.

beijos

Fatyly disse...

Essa do quem cala consente, ditado bem antigo, na minha opinião sempre discordei dele...porque calar por vezes pode por se ficar entupido de raiva ou o extremo, numa de "nem estou aí".

Eu que jamais me calo sobretudo a injustiças que vejo...ui...ui...e quem me conhece e me vê calada é melhor fugir:):):) mas há de facto pessoas como descreves em tão poucas palavras! Parabéns!

O visual do blogue está lindo!

Beijos

Selena Sartorelo disse...

Feliz é quem pode dizer o que pensa pelo próprio pensamento. Não cabe absolutamente a mim qualquer julgar, mas posso dizer como sou. Bom ouvir que é semelhante.

Lembrei-me de uma frase que não sei de onde veio, mas que também ouvi a vida inteira.

"Diga-me com quem tu andas e eu te direi quem és."

Beijos imensos e obrigada, por tudo.

João Menéres disse...

O prato da balança pende para o teu lado, Selena !

Um beijo ( aqui silencioso ).


TIRA-ME ESSAS MALDITAS LETRINHAS !

Selena Sartorelo disse...

Esse desenfreado desequilíbrio, ás vezes cá...noutras lá...entre o peso e a medida rsrs

Beijos, (barulhentos) rsrs ou melhor apnas com som rsrs

Acabei de fazer isso...elas também me irritam muito...e aparecem sem avisar..!!!

Fatyly disse...

"Diga-me com quem tu andas e eu te direi quem és."

é um provérbio português:

Diz-me com quem andas, que dir-te-ei quem és!:)

Gostei do "papo". Beijos

Luísa disse...

Quem cala, cruza os braços, envelhece de opinião e enruguece de mão fechada!
não vive e não arrisca ganhar a confiança e admiração dos demais...