terça-feira, março 22, 2011

Uma lição

Um canção.

Sincera gratidão.

O silêncio é a ausência da palavra falada. São mais que ruídos habituais, sempre factuais. São mais! São ruídos ouvidos, não apenas e simplesmente repetidos. É perceber e sentir seu som inrerior. São tons. Pares, trios. Infindada geração. É ouvir o pensamento que nos revela a alegria e a dor do viver. O silêncio é próximo e distante do saber. Como o tempo, vem e vai com o vento, às vezes brisa, noutras ventânias . Um longo momento que se estende nesse universo infinito. O silêncio é o não dito para ser percebido pelos sentimentos da palavra no pensamento. O silêncio é respeito e falação. O silêncio é gratidão.

9 comentários:

João Menéres disse...

Sempre fui admirador dos teus escritos, SELENA.
Habituei-me a um humor que sempre me trazias.
E fazes-me falta, muita falta, minha querida amiga.
E tenho procurado entender o teu > silêncio como o não dito mas percebido pelos sentimentos da palavra no pensamento <.
Por isso mesmo nunca deixaste de estar presente aqui nem no grifo !

Um beijo que o vento te depositará.

Selena Sartorelo disse...

Olá João.

Faz idéia o quanto tuas palavras me emocionam?!Obrigada João.

Beijos meu querido amigo.

expressodalinha disse...

Selena: Há silêncios que atordoam. A medida das palavras é a voz dos deuses.

Selena Sartorelo disse...

Jorge: O que atordoa causa o barulho,a medida vira é o som ouvido pelo pensamento.

beijos

the dear Zé disse...

tanto silêncio também ensurdece. há que tempos que eu não falava por aqui...

bêjo

Anga Mazle disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anga Mazle disse...

Meus silêncios têm asas; os dos outros, abismo. Posso sobrevoá-lo, sem riscos aparentes - aparentes, porque a intolerância e a preguiça sabem me podar as asas.

Gostei dos seus textos, Selena.

Beijos

Selena Sartorelo disse...

Olá Zé,

Um silêncio percebido. Bom vê-lo por essas bandas.

Beijos,

Olá Anga,

Fico feliz que tenha gostado daqui. Beijos e obrigada.

Por mim mesmo disse...

"O silêncio é o não dito para ser percebido pelos sentimentos da palavra no pensamento."
Precisa ser 'dito' algo?
Amei! Estou te seguindo!