sexta-feira, abril 16, 2010

DOIS EXEMPLOS. DOIS TEMPOS E UM MOMETO DE REFLEXÃO...UM OLHAR . UMA OBSERVAÇÃO.

Foto: Carla Tavarez


Quero responder para a vida as perguntas que faço para o mundo. Quero responder para o mundo as perguntas que a vida me dá. Não quero ter certeza das duvidas que tenho, quero duvidas certas. A lógica piegas do gostar. A consciência de não odiar. O pêndulo. O eixo. O prumo que as coisas tem, a perfeita imperfeição de ser , compartilhando o tempo que me faz bem.


Arquitetura Divina! Projeto humano!!
O projeto do artista que criou a obra e esqueceu de entregar a planta original, deixando o rascunho com dimensão colossal para que nós apaguemos as arestas ou acrescetemos mais curvas e retas.
O lugar para qual poucos olham, pois tem sempre muitos obstáculos na sua frente. A força de um raio de luz que reluz a luz do dia...

15 comentários:

myra disse...

minha querida, gostei imensamente!!! e a imagem tbem é super linda,beijos e saudades!

Tentativas disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Selena Sartorelo disse...

Olá Myra querida...vou te contar um segredo..quando comecei a escrever a primeira parte desse texto fiz lembrando de uma foto que o João postou prá você, uma linda flor, mas pensava também nele também como o meu querido senhor que fala com sentimentos e imagens que só aqueles olhos são capazes de capturar...lembrava da vida... e quando terminei percebi que os retalhos dessa imagem que postei já havia sido recortado poucas horas antes, então os motivos além dos descritos são os vistos, os sentidos e principalmente os queridos. Essa moça que fez essa imagem é tão querida quanto, e possui na alma a arte que vocês tem. Falei tudo isso pois achei engraçado você ser a primeira a comentar algo que tinha sido em pensamento concebido por você também. Beijosssssssssssssss

expressodalinha disse...

A perfeição é imperfeita e os obstáculos nem sempre são para ultrapassar. Às vezes melhor contornar. A linha recta nem sempre é o caminho mais perto.

Selena Sartorelo disse...

Olá Jorge,

Não sei se quero chegar, sei que sei que quero sentir os passos que dou, mesmo quando tiver que voltar. Acho a perfeição monótona, chata e frustrante..não é ela que quero alcançar mas sim a compreensão do reflexo que sinto ser. Puno a dona arrrogância, mas não contesto o sentimento que a causou.A humildade não é hipócrita. A soberba que se seduz pela minha ignorância.
Não se contorna um sentimento, não se domina o tempo,minha utopia é transformá-lo em sí.

beijosssss com muito carinho e respeito. Obrigada pelas tuas palavras gentis e elogiosas e mais que tudo, sinceras.

Sr do Vale disse...

Ah! se eu pudesse.

Hellag disse...

gosto muito de todas estas "possibilidades"! :)

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

é.... viver é mesmo soltar a amarras, nada de perfeição.
Isso é coisa para os Deuses.

Selena Sartorelo disse...

Olá meu querido amigo Sr. do Vale,

Sem querer ser intrometida mas sendo pois a curiosidade eu não consigo conter. O que não pode o senhor?

beijos,

Olá Hellag,

Obrigada.

beijos

Olá Walkiria,

Sim tem toda a razão, precisamos divulgar essa informação rsrs!!

beijos

Lunna disse...

E eu ouço um canto distante que serve de guia para os meus ouvidos enquanto meus olhos estão aqui a descobrir tuas palavras com dessa vez tinha som de gente batendo na porta pedindo atenção. Vou ficar um bom tempo pensando em tudo isso. rs
Beijos

Ps. Lembrei-me de ti ontem a noite, nem te conto porque. rs Embora tenho certeza que sabes a razão.

Vieira Calado disse...

Desejo-lhe um a boa semana.

Beijinhosss

Graça Pereira disse...

Gostei do título deste blog POSSIBILIDADES...porque é um poço sem fundo onde podemos ir buscar o que quisermos...palavras, sonhos, caminhos,poesia, coração, semtimentos...e gostei desta postagem.
Beijo e uma boa semana
Graça

Selena Sartorelo disse...

Olá Lunna,

A música tem o poder de mudar trilhar as palavras que lemos por caminhos tão diferentes no absoluto silêncio dos nosso pensamentos...

Rsrsr!! Acredita que aqui em casa as quintas a noite é quase uma tortura, pois ninguém me deixa esquecer..É um tal de "Né mamãe hoje é quinta rsrsr"

beijos e obrigada.

Olá Veira,

Há quanto tempo não te vejo por aqui..Há quantos universos maravilhosos temos para explorar.

Beijos e obrigada.

Olá Graça,

Pensei muito antes de escolher esse título e foi aqui que cheguei.
Nesse caso é a possibilidade de tentar fazer o que se quer aprender. Sem rótulos, nem estilos, sem tema definido ou ordem na desordem, sem censura sem nada e um pouco de tudo.Temia a pretensão até mais que a presunção. Temia a ousadia em querer escever sem saber.Temia que minha sinceridade não fosse aceita. Temia tentar e não acertar. Temia não encontrar a coragem prá tentar e simplesmente fazer essa possibilidade existir.

Obrigada pela visita espero que volte outras vezes se tiver gostado e respeito se não voltar se nada aqui a tiver interessado.


beijos

Cristiana Fonseca disse...

Olá querida,
lugar para o qual poucos olham e todos vão.
Adorei.
Selena agora entre este e aquele e outro, vou fazer aquele.
Beijossss,
Cris

Selena Sartorelo disse...

Olá minha querida,

Falamos de você hoje aqui em casa, para ser mais precisa foi há muito pouco tempo e não consigo segurar um sorriso de saudades e felicidade ao encontrá-la aqui agora.

Obrigada por este e não tenha pressa com nenhum deles..todos aconteceram ao seu tempo rsr!!

Volte pra me contar como foi as exposições e onde posso vê-las.

Beijos grandes nas meninas.