sábado, novembro 07, 2009

BOA LEMBRANÇA.

Isso aconteceu há quase vinte anos atrás na extinta tv Manchete.



Numa entrevista que Mercedes Sosa concedeu ao programa Clodovil "Abre o jogo".

16 comentários:

ellen disse...

Quase não se nota a diferença de idade :)

Beijinho

Luísa disse...

Reliquia, não é?
Beijinhos e bom FDS

Quase Blog da Li disse...

Que prazer um abraço fofo da
'La negra'...
Vc tá igual Selena !?!?
Tá no formol fia?
rsrsrs
Uma RICA e DOCE lembrança!
beijo
li

Licínio Filho disse...

Que encontro, que experiência...Puts...não tenho mais palavras. Deve ter sido incrível.
Beijos.

Selena Sartorelo disse...

Olá Ellen... É verdade, olhando hoje essa foto e vendo-a em suas ultimas paresentações, quase não mudou nada.

beijos,

Olá Luísa, Sim é uma reliquia que agora sei que não mais perderei.

beijos e obrigada por tudo.

Olá Li,

Nessa época eu já era apaixonada por ela, pela causa que defendia e pela musicas que interpretava. Quando tive o prazer de trabalhar ao lado dela então, imagina como foi dificil me conter rsrsr!!
Quanto ao formol..que nada! aí meus cabelo tiham luzes, hoje eles são naturalmente brancos e essa é apenas uma das dezenas de diferenças nesses vinte anos rsrs!!Igual acho que só o amor pela vida rssr!!
beijos.

Olá Licinio..há quanto tempo..devo-lhe algumas visitas eu sei, perdoe-me pela ausência tá meu amigo?

Sim foi uma experência incrível pois estava na companhia de uma pessoa incrível, os resto você já sentiu não é. Um dia conto esse dia, mas enquanto não faço isso,achei bacana dividi-los com todos.

beijos

angela disse...

Um presente da vida é pra guardar com carinho.
beijos

João Menéres disse...

SELENA

Deve ser do cansaço...
MAS, não consegui "agarrar" o tema.
Estou confessando a minha total ignorância!

Um beijo.

Selena Sartorelo disse...

Olá Angela,

Existem pessoas que são assim mesmo, presentes em forma de gente. E essa era uma delas.

beijos,

Selena Sartorelo disse...

Olá João,

Sim meu amigo,às vezes o cansaço nos toma por completo, mas agradeço tua visita, pois mesmo estando exausto, ainda assim, dispensou-me a sua atenção. Afinal não poderíamos passar o final de semana tão distantes, oras!! rsrsr!! Não é mesmo João? rsrsr!!!

Não tem aqui o quê ser "agarrado" mais do que a vontade que senti de compartilhar com meus amigos uma boa lembrança.
Nada foi dito para que você pudesse ser tão rigido consigo.Pois de todas as legítmas confissões que fez e as características que sabe ter, a ignorância certamente não é uma delas. E não pode ser confessada por você, pois para o nosso deleite ela caminha bem longe de seus pensamentos.

Aqui João nada mais tem, além da simples representação de respeito e admiração através da imagem, é isso!
Mas, se você quiser eu posso lhe contar como foi esse dia? Lembranças raras de momentos onde eu presenciei uma luz que nunca se apagou, sentimentos e bons pensamentos que tinha dessa mulher e que foram confirmados em seus mais simples gestos. A atenção terna que ela dispensava á todos que a cercavam, sem arrogância, sem estrelismo. Percebia até que seus olhos deixavam faiscar a percepção de sua grandeza. Uma Diva da vida. São pessoas raras João, que usaram de seu dom para acalentar o medo, a fome e a todos os tipos de pobreza que aplaca a nossa essência.
Nessa foto João eu tinha vinte e cinco anos. A vida era bonita, mas eu sabia pouco sobre ela. Acho que não tinha tido muito tempo de viver até então. Por isso sonhava. E Mercedes Sosa fazia parte efetiva desse meu sonho. Como se ela entedesse a essência da vida de uma maneira muito própria e eu ali em minha insignificância era um pouquinho testemunha disso, entende João?
Pois é! É isso o que eu não escrevi na postagem pois achar pessoal demais e que essa foto tanto me faz recordar.

Beso

João Menéres disse...

SELENA

Sensibilizado por tão pormenorizada explicação.
Agora, o lustre de 30 lâmpadas tudo ilumina e os pingentes de cristal da Boémia ainda mais fazem reflectir a LUZ !!!


Um beijo e que continues assim iluminada também.

Sr do Vale disse...

Bela.

Fatima Cristina disse...

Oi Selena,

A foto de seu post ficou ainda mais bem representada pelo seu comentário em resposta ao do João.

Obrigada por compartilhar conosco um momento tão especial.

Beijos!

myra disse...

que maravilha voce ter conhecido a Mercedes Sosa! e que tenha esta foto, fiquei emocionada!
te mando um beijo e, bem aqui é para dar boa noite:)

Selena Sartorelo disse...

Olá Sr. do Vale.

Que bom tê-lo aqui, andas sumido meu amigo.

Vou te contar um segredo, hoje enquanto escrevia um comentário para as árvores do João eu lembrava também da sua DECISÃO. Pensei até em escrever as mesmas palavras no partículas,mas sabe que odeio repetição.Mas também não poderia, aquelas eram para as àrvores do João que nasceriam.
O que sei é que em algum momento enquanto escrevia, essas duas imagens eu relacionei Ha!ha!ha confessei! Vá visite o blog do João ele tem muito a nos ensinar, sempre.
Sabe o sr. o poder que o Grifo tem.

Beijos e obrigada.

Olá Fátima, Veja você que engraçado, esse senhor danado, ele chega de mansinho, bem de vagarinho e deixa seu recado.
Mas quem resisti a um pedido desses rsrsr ainda mais ele dizendo que está cansado rsrsr!!!
Mas foi exatamente assim que aconteceu mas não sabia como escrever e o João deu o empurrão que eu estava precisando rsrsr.


Beijos e obrigada.

Olá Myra,
Muito obrigada teu beijo é bem recebido.
Sim conheci a dona Mercedes, fiquei poucas horas em sua companhia, mas como pode ver foram inesquecíveis. Essa foto estava guardada na casa de minha mãe e ela só me deixou trazer se eu prometesse que a devolveria, e agora que a digitalizei é exatamente o que pretendo fazer, vou com certeza devolver rsrsr.

beijos e obrigada pela visita, uma boa noite e um bom dia também prá você.

Sr do Vale disse...

Selena, você já me deu várias palavras, as quais as vezes releio e sinto.

abraços.

Selena Sartorelo disse...

Olá meu amigo Sr. do Vale.

O Partículas do sentido foi um dos primeiros blogs em que escrevi, imagens representadas com fidelidade as palavras que as intitulam...tuas imagens me atraem, uma arte que não sei direito explicar e com significações que vão da ternura a solidão.
Obrigada por sempre ter aceito minhas palavras com tanta compreensão.

Beijos meu amigo.